Entrevista de emprego – Confira 3 dicas que podem fazer a diferença para esse momento.

O mercado de trabalho tem ficado cada dia mais exigente quando falamos de contratação e com isto existem muitas coisas que se tornam essenciais no momento em que você está buscando entrar nele, uma delas é a etapa da entrevista.

Uma das maiores preocupações na hora em que se fala de arrumar um emprego, ou até mesmo em mudar de um, é sobre o currículo. E sim, sabemos que o currículo é sua identidade no momento em que procuramos por oportunidades.

Mas o currículo é só a primeira etapa, após ser selecionado vem o momento de tensão e ansiedade com as entrevistas. Às vezes a preocupação em conseguir a vaga é tão grande que acabamos nos prejudicando no momento da entrevista.

Entrevista
Fonte:(reprodução/internet)

Se você está entrando neste processo de conseguir um novo emprego, seja ele sua primeira experiencia ou não, confira agora 3 dicas que iremos disponibilizar e que poderão te ajudar no momento da entrevista.

1 – Você sabe todos os tipos de entrevista?

É isso mesmo que está no título, não existe só um tipo de entrevista no mercado de trabalho hoje. Como cada empresa tem sua política, algumas passam por várias etapas de entrevistas, mas em outros casos só fazem uma.

ANÚNCIO

A entrevista mais conhecida é a comportamental ou baseada em conhecimentos. Esta tem como objetivo avaliar as habilidades que o candidato apresentou em seu currículo e observar se sua personalidade está de acordo com a cultura da empresa.

Outro tipo comum é a entrevista em grupos. Normalmente é usada por grandes empresas que precisam de pessoas que irão lidar com o trabalho em grupo. Além de conseguir avaliar vários candidatos ao mesmo tempo, esta permite ver a interação dele em grupo.

Com o avanço das tecnologias hoje nós também temos a entrevista online. Normalmente o candidato passa por algum teste após enviar o currículo e, se selecionado, é marcado uma entrevista online no horário comercial. Este tipo costuma acontecer com empresas grandes onde a sede e o RH ainda funcionam em outros estados.

2 – Falar nem sempre é a melhor opção

Calma, não se confunda. Falar é sim umas das coisas que mais precisamos saber fazer nesses momentos, mas algumas coisas não precisam e nem devem ser ditas. Seja pontual na imagem que precisa passar.

Não responda nada além do que estão perguntando. Seja sincero e fale de suas reais habilidades. Falar sobre a vida pessoal pode atrapalhar um pouco esse momento, então pode ser melhor evitar o assunto. 

Muitas pessoas possuem opiniões diferentes sobre diversas coisas, como posição política ou religião. Evite este tipo de assunto, pois opiniões diferentes geram conflitos e podem prejudicar seu processo de contratação.

3 – Não seja surpreendido, surpreenda.

É comum que no momento da entrevista tenha a famosa pergunta “por que você quer trabalhar aqui?”. Este momento é temido por muitas pessoas que sabem que precisarão passar por esse processo. Mas afinal, o que responder neste momento?

Por mais que seja uma pergunta muito usada, muitos não sabem o porquê dela ser utilizada. Este é o momento em que a empresa quer saber se seus valores estão alinhados ou parecidos com o dela. 

Então não seja surpreendido, estude bem a empresa que você deseja trabalhar para que você saiba responder o real motivo de está ali e não somente por uma necessidade financeira. Surpreenda o entrevistador mostrando interesse em fazer parte daquele time.

Oportunidade sempre surgirão

Está preparado para este momento é muito importante, mas é preciso saber que algumas vezes pode acontecer de você não se encaixar em todos os critérios. Por isso, lembre-se sempre que outras oportunidades irão surgir não pare de correr atrás delas.

ANÚNCIO